Clínica Médica e Dentária GB

Temos como visão proporcionar soluções inovadoras na área da medicina dentária capazes de transformar sorrisos e concretizar sonhos”

(Dr. José Pedro Geraldes Barba)

217 930 020926 449 566

Clínica Médica Geraldes Barba

A Medicina Interna, de vocação essencialmente cognitiva, dedicada a tratamentos “médicos” (não cirúrgicos), é uma especialidade generalista, que se distingue da Medicina Geral e Familiar por ser exclusivamente dedicada a doentes adultos, por ser vocacionada para a complexidade. É, a par da Cirurgia Geral (esta essencialmente técnica, dedicada a tratamentos cirúrgicos), uma das grandes especialidades médicas.

Ao contrário da maioria das especialidades, que se definem por se dedicarem a um determinado órgão ou sistema, a Medicina Interna define-se como uma especialidade mais de doentes do que de doenças. Ou seja, o internista é um médico que dedica a sua atenção à pessoa como um todo e que se distingue por ser o perito na abordagem clínica exaustiva de cada doente. Daí decorre que seja um médico particularmente apto a lidar com doentes complexos, com múltiplas doenças, com doenças que afectam vários órgãos ou sistemas, assim como com pessoas com doenças raras ou com quadros clínicos difíceis, ainda sem diagnóstico.

Perante um doente com vários problemas clínicos (por exemplo, cardíacos, pulmonares, renais, cerebrais e metabólicos), mais do que o somatório entre cardiologista, pneumologista, nefrologista, neurologista e endocrinologista, o internista é o médico do doente, que compreende todos esses problemas e a sua inter-relação e que está em melhores condições de ver o todo, de definir prioridades e de, em conjunto com o doente, definir o plano de actuação mais adequado e mais eficiente. Os cuidados médicos hospitalares devem organizar-se em torno das necessidades de cada doente, com uma equipa multidisciplinar que inclua todas as especialidades necessárias e que seja coordenada por uma espécie de maestro – o internista.

    Nefrologia é a especialidade médica que se ocupa do diagnóstico e tratamento clínico das doenças do sistema urinário, em especial o rim.

    Por vezes, essas doenças só afetam os rins mas é necessário sublinhar que, na maior parte dos casos, as doenças que afetam os rins são doenças gerais, como a diabetes Mellitus, a hipertensão arterial e algumas doenças imunológicas, que provocam lesões em vários órgãos e também nos rins. A utilização inadequada de alguns medicamentos de uso corrente, como os analgésicos e os anti-inflamatórios, por exemplo, também pode provocar lesões renais. Se não forem diagnosticadas precocemente e se não forem tratadas correctamente, as doenças renais podem provocar perda progressiva da função renal e evoluir para a insuficiência renal crónica.

    Na maioria dessas situações, a perda de função renal pode ser evitada se os doentes forem observados precocemente e seguidos numa consulta de nefrologia. A realidade é que muitos doentes só são enviados tardiamente para um médico nefrologista, habitualmente quando já têm insuficiência renal moderada ou grave e, nessas condições, a insuficiência renal já tem um carácter irreversível. Muitas vezes, o melhor que o nefrologista pode fazer é impedir ou retardar o agravamento da doença renal, que já tem vários anos de evolução.

    Entre as doenças da área de intervenção da Nefrologia estão:

    • Insuficiência renal aguda;
    • Insuficiência renal crónica;
    • Litíase renal (cálculos ou pedras nos rins);
    • Nefropatia diabética;
    • Doença renal hipertensiva;
    • Alterações do equilíbrio hidroeletrolítico e ácido-base relacionadas com os rins.

    As biópsias renais, hemodiálise, diálise peritoneal e transplantes renais encontram-se entre os procedimentos e tratamentos em que a Nefrologia tem um papel de destaque.

    A Nutrição é uma área que se dedica ao estudo das relações entre os alimentos ingeridos e doença ou o bem-estar, tendo assim um papel fulcral na nossa vida, para além de ser uma necessidade básica, é um dos fatores que mais afeta a saúde.

    Nutrição é a ciência que estuda os alimentos e seus nutrientes, com o propósito de aplicar este conhecimento a favor da promoção da saúde.

    Perda de peso é apenas uma consequência benéfica de bons hábitos alimentares. Na verdade, um especialista em nutrição será capaz de o aconselhar no sentido de prevenir problemas futuros e manter uma boa saúde.

    A principal área de intervenção é a nutrição clínica, habitualmente dedicada, nos seguintes casos:

    • Educação Alimentar;
    • Gravidez e Pós-parto;
    • Amamentação;
    • Nutrição pediátrica;
    • Diabetes;
    • Alergia Alimentar;
    • Alteração do perfil lipídico;
    • Correção de desequilíbrios alimentares;
    • Obesidade, excesso de peso e défice de peso.
    • Apoio nutricional nas doenças gastrointestinais, cardiovasculares e oncológicas

    Nestas situações, é avaliado o estado nutricional, é prescrito e avaliado de forma contínua o plano nutricional instituído.

    A Pediatria é a especialidade médica que acompanha o crescimento e o desenvolvimento da criança e adolescente até aos 18 anos, vigia o seu estado de saúde e diagnostica e trata as suas doenças.
    A Pediatria é, por definição, uma especialidade multidisciplinar para a qual contribuem todas as outras de modo a permitir um acompanhamento global do estado de saúde das crianças e adolescentes.

    As visitas ao pediatra são mais frequentes nos primeiros anos de vida de uma criança. No entanto, nos anos seguintes e até na adolescência é muito importante manter um acompanhamento médico com regularidade.

    Os aspectos preventivos envolvem ações como:

    • Aconselhamento sobre vida saudável e prevenção de doenças;
    • Aconselhamento e orientação para imunizações (vacinas);
    • Acompanhar um crescimento e desenvolvimento saudáveis;
    • Assegurar o bem-estar psicológico e emocional e a integração adequada na vida escolar e social;
    • Realizar os exames regulares de saúde adequados;
    • Identificar situações que possam requerer intervenção de outras áreas clínicas.

    Já os aspectos curativos correspondem aos diversos procedimentos e tratamentos das mais diversas doenças exclusivas ou não da criança e adolescente.

    Medicina Interna

    A Medicina Interna, de vocação essencialmente cognitiva, dedicada a tratamentos “médicos” (não cirúrgicos), é uma especialidade generalista, que se distingue da Medicina Geral e Familiar…

    Nefrologia

    Nefrologia é a especialidade médica que se ocupa do diagnóstico e tratamento clínico das doenças do sistema urinário, em especial o rim.

    Nutrição

    Nutrição é a ciência que estuda os alimentos e seus nutrientes, com o propósito de aplicar este conhecimento a favor da promoção da saúde.

    Pediatria

    A Pediatria é a especialidade médica que acompanha o crescimento e o desenvolvimento da criança e adolescente até aos 18 anos, vigia o seu estado de saúde e diagnostica e trata as suas doenças.

    “Às vezes, sorrir é a melhor maneira de ajudar a mudar o mundo. O sorriso molda a forma como levamos as coisas, nos tornando mais flexíveis e fortes diante das situações mais difíceis da vida.”

    (Um filósofo anónimo da Grécia antiga)

    Agendar Consulta